quinta-feira, 24 de julho de 2008

DÉCIMO QUARTO DIA - 24 julho


24 de julho – DÉCIMO QUARTO DIA


Iniciamos às 10h 20 com a oração animada pelo Haiti, Canadá e Martinica.
Durante os informes das partidas e alojamentos após o dia 25 a delegada do Egito questionou que as despesas de alojamento e táxi deve ser o MIDADEN que pague e não os próprios delegados. Apareceu uma certa tensão. Olivier pediu que se recordassem o que diziam as cartas enviadas para os delegados. Acho que é reflexo das eleições e tensões de ontem.
Em seguida o padre Juan Carlos comunica como seria a missa de encerramento. Distribui-se também uma ficha/questionário de avaliação. Também foi entregue um CD com textos, o Plano de Ação e o endereço dos participantes do Encontro.
A missa de encerramento se realizou às 11h 40 na capela do Centro de Formação Padre Claret. As partes da missa foram animadas por línguas diferentes. Acho que foi quase duas horas de missa. E oficialmente o Encontro foi encerrado...
A tarde começa a sair algumas delegações.
Para os que vão dormir a noite aqui, ainda terá uma festa de despedida. Acho que vou participar da festa e nem dormir, visto que os primeiros a partir do aeroporto de Santiago serão às 6h da manhã, devendo está lá as 4h, sendo assim, o mais tardar sairemos daqui as 2h 40 da manhã.
Eu viajo as 7h da manhã. São 4 horas de viaje, portanto chego em São Paulo as 11h e pego o outro avião para Brasília as 14h. Confesso que estou com saudade do “frio do Centro-Oeste brasileiro”, é menor que o frio daqui.

2 comentários:

latino disse...

HUUMMM TO AQUI LEMBRANDO DA MINHA VEZ - SENDO QUE NA SÍRIA MUITO MAIS LONGE. ESTIVEMOS 15 DIAS ISOLADOS DO MUNDO, INTERNET TINHA COM MUITA RESTRIÇÃO E CARA... TEVE MUITAS TENSÕES, MAS TAMBEM MUITAS AMIZADES. CONFESSO QUE TENSÕES FORAM MAIS ENTRE A GENTE DA AMERICA LATINA. SEI QUE A FESTA DE DESPEDIDA FOI MUITO BOA, NA VERDADE VÁRIAS FESTAS. VARIAS MISSAS. E MUITO CHORO, MUITO ABRAÇO... MUITA GENTE QUERENDO LEVAR TUDO DO BRASIL... BANDEIRA, FOTOS, ATÉ UNS PEDAÇOS DE PANO VERDE E AMARELO TIVEMOS QUE CORTAR E DAR POIS ERA UMA LOUCURA PELO BRASIL... FOI BOM DE MAIS. NUNCA ESQUECEREI... APESAR DE TER FICADO DOENTE POR VÁRIOS DIAS DEVIDO O AR COM AREIA DO DESERTO.
Ñ ESQUEÇO PRINCIPALMENTE D@S AMIG@S DE GABON, SIRIA, SENEGAL, ITALIA, PORTUGAL, SIRILANKA, ESPANHA, AMERICA LATINA TODA, OS TRADUTORES UMA AMIZADE ENORME, A TURMA DA INFRA-ESTRUTA, MINHA TRADUTORA DE PORTUGUES, MINHA GRANDE AMIGA NOURA DA SIRIA, OLIVIER, MATHIAS, ANILU, UMA GALERA LEGAL DA AFRICA... PE. RICARDO, PE. ALFREDO E TANTOS OUTROS.... A ESTADIA NA CASA DE OLIVIER.
MUITAS SAUDADES. E ESPECIAL DAQUELA TERRA LINDA... DAS DANÇAS CULTURAIS NO MEIO DA RUA. DAS COMIDAS MARAVILHOSAS. DO "CHUCRANN" "OBRIGADO" EM ARABE. DO "YALA" "VAMOS" EM ARABE.
ENTÃO SEJAM BEM VINDOS DE NOVO A NOSSA TERRA. E VAMOS PRA AÇÃO... MUITO PRECISA SER FEITO AQUI E NO MUNDO... É O MIDADEN CONTINUANDO.
VIVA A NOVA EQUIPE GESTORA DO MIDADEN.
ABRAÇO,
CLEDSON REIS

Sérgio Barros disse...

Espero sinceramente que a viagem seja boa e imagino a saudade da casa da gente. Então nos reuniremos em novembro. Mas em agosto deve ter reunião virtual. A internet facilitou muito e possibilitou acompanharmos com alguns detalhes e com muita alegria. Os nossos grupos de base terão muito pra aprender com essa experiência!